Festa de Aniversário do Tio Patinhas

O famoso Tio Patinhas (Uncle Scrooge), personagem americano de ficção criado pelo cartunista Carl Barks, teve sua primeira aparição em quadrinhos em dezembro de 1947 e seu nome original, Scrooge McDuck, se baseia no avarento Ebenezer Scrooge, personagem principal do ‘Conto de Natal’ de Charles Dickens.

No Brasil, Tio Patinhas está presente nos quadrinhos desde 1950, quando foi atração da edição número 1 de O Pato Donald. A revista Almanaque Tio Patinhas (mais tarde, simplesmente, Tio Patinhas) foi lançada em 1963, mantendo-se como um título de sucesso da Editora Abril até hoje.

Ao longo das décadas, nas histórias do universo de Patópolis, Patinhas foi promovido de coadjuvante a protagonista, com direito à participação em vários especiais de televisão, filmes e videogames. Na verdade, Barks criara Patinhas para uma aparição única, mas logo percebeu que poderia aproveitar o personagem em outras narrativas e seguiu retocando a aparência e a personalidade de Patinhas nos anos subsequentes, em incontáveis aventuras, o que reforçou o posto de destaque entre os personagens da Disney.

A estreia de Patinhas, o pato mais rico do mundo, em desenho animado (exceto por uma breve ponta na abertura do Clube do Mickey) se deu no curta-metragem de 1967, ‘Scrooge McDuck and Money’, no qual ensina a seus sobrinhos algumas lições básicas sobre finanças.

Mais tarde, em 1983, voltou como Ebenezer Scrooge em ‘Um Natal de Mickey Mouse’, uma versão animada do clássico de Dickens. Apareceu como ele mesmo no especial de televisão ‘Soccermania’ com Pateta.

O maior papel de Patinhas fora dos quadrinhos ocorreu em 1987 como protagonista de ‘DuckTales’, um seriado de animação da Walt Disney livremente inspirado nas histórias de Carl Barks. Patinhas torna-se o guardião de seus sobrinhos-netos Huguinho, Zezinho e Luisinho quando o Pato Donald se alista na Marinha.

Como homem de negócios e caçador de tesouros, Patinhas é notável por sua necessidade de criar novos objetivos e enfrentar novos desafios. Conforme o personagem criado por Barks, para Patinhas “sempre há um novo arco-íris.”

Mesmo após a Disney ter oficializado a morte do Tio Patinhas, com 100 anos, no ano de 1967, ele ainda aparece vivo nos quadrinhos atuais, tendo aproximadamente 146 anos.